A HEPATITE é uma inflamação do fígado que pode ser detetada através de uma análise de sangue. Esta doença é, maioritariamente, causada por vírus, mas também por bactérias, substâncias tóxicas como o álcool ou drogas e algumas doenças auto-imunes.
Existem vários tipos de Hepatites sendo que umas são mais graves do que outras. Esta doença pode ser auto-limitante, ou evoluir para uma doença crónica provocando lesões mais graves, fibroses, cirrose ou cancro do fígado. Os principais vírus relacionados com a hepatite são: tipo A, B, C, D e E, e cada doença toma a designação do vírus que lhe está associada, nomeadamente Hepatite A, B, C, D ou E.

Dependendo do tipo de Hepatite, esta doença pode ser facilmente tratada, outras vezes pode exigir um tratamento mais prolongado e complicado e em situações mais graves pode ser necessário recorrer a um transplante de fígado. Apesar de na maioria dos casos haver cura, muitas vezes, principalmente quando diagnosticada a tempo, esta doença pode levar à morte.

De acordo com os últimos registos da OMS - Organização Mundial de saúde, a Hepatite é uma doença amplamente espalhada, que afeta 400 milhões de pessoas em todo o mundo - 10 vezes superior ao número de pessoas infetadas com o HIV (Vírus da Sida). Estima-se que apenas 5% das pessoas sabem que têm hepatite crónica, e menos de 1% tem acesso ao tratamento. Por ano morrem cerca de 1,4 milhões de pessoas devido à doença.

Sintomas

Na maior parte dos casos a hepatite crónica não apresenta sintomatologia, no entanto quando se trata de uma infeção aguda podem ocorrer alguns sintomascomo:
Icterícia (pele e olhos amarelados)
Urina escura
Fadiga extrema
Náuseas
Falta de apetite
Vómitos
Dor abdominal

Transmissão

Qualquer pessoa está sujeita a contrair um dos diferentes tipos de hepatite.
As hepatites B, C e D são transmitidas através de sangue contaminado, através de materiais contaminados (por exemplo seringas), através de relações sexuais sem proteção e de uma mãe infetada para o filho recém-nascido.
 As Hepatites A e E são mais comummente transmitidas pela ingestão de alimentos ou água contaminados.
No entanto, a doença é evitável  e existem vacinas e/ou tratamentos eficazes para as diferentes hepatites.

Para saber mais informações consultar a página do site oficial da OMS